Pesquisadores do Instituto Fraunhofer para Sistemas e Circuitos Microeletrônicos (IMS), em Duisburg na Alemanha, aperfeiçoaram um novo sistema de sensores para janelas que dispensa o uso de fios e baterias o que torna esse sistema mais confiável e livre de manutenção.

O sistema funciona por meio de pequenos sensores montados nas trancas de cada janela que transmitem seu estado (aberto/semi-aberto/fechado) para um coletor de dados localizado em cada cômodo. Estes, por sua vez, transmitem suas informações para um servidor central da casa, que pode emitir um alerta para o dono da casa (via celular) que esta ou aquela janela do comodo tal está aberta.

Esse sistema também pode ser utilizado em edifícios comerciais ou prédios públicos o que ajuda a aumentar a segurança do imóvel, além de impedir que alguma sala seja enxarcada por um temporal fora do horário comercial.

A grande sacada dessa solução é que os sensores das janelas retiram energia dos mesmos sinais de rádio transmitidos pelos coletores de dados, o que dispensa o uso de outras fontes de energia mais convencionais como baterias ou mesmo painéis solares.

Segundo o Dr. Gerd vom Bögel, cientista do IMS, até hoje a energia solar era a fonte de energia preferida para esse tipo de aplicação, mas ela tem algumas desvantagens já que qualquer sombra ocasional que cubra as células de energia pode comprometer o sistema.

Fora isso, esses painéis precisam ser instalados em algum local adequado o que pode ser algo visualmente pouco agradável para alguns além de exigir o uso de fios que as liguem com a janela. E isso sem falar na dificuldade de adaptar esse sistema solar em imóveis já existentes.

O produto ainda em estágio de protótipo, mas os pesquisadores já pensam nos próximos passos, entre eles a de implementar outros tipos de sensores capazes de monitorar por exemplo, a temperatura da sala o que permitiria regular o sistema de aquecimento ou ar- condicionado do ambiente, de modo que ele se mantivesse num clima agradável enquanto alguém estiver na sala ou mesmo desligar por completo caso o imóvel esteja vazio.