Na CES 2011, a palavra de ordem da LG é conectividade, seja nas TVs ou na linha branca da fabricante. Agora, tudo é conectado e com uso de aplicativos para controlar as funções – mesmo que seja um novo ciclo  na sua máquina de lavar roupas.

Primeiro a linha branca: os novos equipamentos da linha de “home appliances” vão vir com a tecnologia LG Thinq que, em resumo, conecta tudo: lavadora/secadora, aspirador de pó, refrigerador e até mesmo o forno (!). Os recursos (Smart Grid, Smart Diagnosis, Smart Access, Smart Adapt e Food Management) foram criados para ajudar os donos/donas de casa a gerenciar melhor seus equipamentos e reduzir o gasto com energia elétrica na casa. Exemplo:

Os aplicativos de controle são baixados em smartphones/tablets da marca ou até mesmo em PCs, e farão parte da nova linha de produtos da LG para 2011.

Agora, as TVs:A LG melhorou bastante a interface das suas TVs conectadas – também parte do conceito “Smart” anunciado durante a CES. Agora, será possível baixar aplicativos via uma loja online (algo que só a Samsung tinha até o momento) e novos conteúdos estarão disponíveis (variando de país por país). Mas a grande sacada da LG é essa caixinha aqui:

Batizada de LG SmartTV Upgrader (ST600), ela transforma qualquer TV (e a LG diz QUALQUER TV mesmo) com uma porta HDMI livre em um televisor conectado com acesso a conteúdo online e aplicativos, assim como um navegador integrado. A caixinha usa a tecnologia NetCast, já usada nas TVs da LG, para levar conteúdo como YouTube, CinemaNow, Amazon Video On Demand, NetFlix e Vudu (quase todos indisponíveis no Brasil), mais os apps para baixar. Sem preço definido ainda, eu quero ver isso mais de perto na CES amanhã.